Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2009

Psicólogo brasileiro é nomeado professor titular na faculdade de medicina de Yale

Ami Klin brinca com uma criança no Centro de Estudos da Universidade de Yale em New haven, CT. Amim é mundialmente famoso como expert em desordens do desenvolvimento.Um psicólogo brasileiro foi recentemente apontado como Professor Titular do departamento de Psiquiatria e Psicologia da Criança da Universidade de Yale em New Haven, Connecticut. Ami Klin vem se destacando nos estudos e pesquisas sobre o autismo e é reconhecido mundialmente pelo conhecimento em outras sérias desordens do desenvolvimento.O professor foi oficialmente nomeado no dia 1º de julho e a carreira dele em Yale já tem 20 anos. Como diretor do Programa de Autismo do Centro de Estudo da Criança em Yale, Ami Klin presta serviços clínicos às crianças com autismo e às famílias delas. Segundo ele, o autismo tem muitas causas, sendo a mais importante delas a genética. Ainda segundo ele, o autismo não pode ser detectado até aproximadamente o primeiro ou o segundo ano de vida da criança. De acordo com o professor, houve muit…

Alimentação não tem efeito sobre autismo, diz pesquisa

Muitos pais colocam suas crianças autistas em dietas estritamente livres de glúten ou laticínios, convencidos de que problemas gastrointestinais são uma causa primária. Porém, um novo estudo sugere que as dietas complicadas podem não ser justificadas.Pesquisadores da Mayo Clinic revisaram os registros médicos de mais de cem crianças autistas acima dos 18 anos, e os compararam a mais de 200 crianças sem a doença. Eles não encontraram diferenças na frequência geral de problemas gastrointestinais relatados pelos dois grupos, embora as crianças autistas sofressem com maior frequência de prisão de ventre e fossem comedores meticulosos (crianças muito exigentes em relação a sua comida), com maior dificuldade em ganhar peso.O estudo, publicado na última segunda-feira no jornal "Pediatrics", é o primeiro a observar a incidência de problemas gastrointestinais numa população autista, segundo o primeiro autor do artigo, Samar H. Ibrahim, gastroenterologista pediátrico da Mayo Clinic.&q…

Trabajo integral puede “curar” el autismo

Con un buen trabajo de rehabilitación, diagnósticos como el asperger, logran insertarse efectivamente en la sociedad. De acuerdo al último estudio global realizado por la Universidad Nacional de México, de cada 500 personas en el mundo una es autista y, por cada cinco niños que lo presentan, dos o tres son mujeres. Múltiples sondeos mundiales dan cuenta que este trastorno es cada vez más común, en Estados Unidos uno de cada 150 niños presentan TGD y en Australia y Gran Bretaña la relación es de uno cada 100. El autismo comprende un grupo de trastornos que afecta las habilidades comunicativas y de interacción social, quienes lo padecen evitan el contacto físico y visual. Sin embargo, una gran cantidad de investigaciones orientadas a la rehabilitación indican que un trabajo sistemático y multidisciplinario permitiría una inserción efectiva en la sociedad. VIDA NORMAL La última investigación en este campo, llevada a cabo por la psicóloga de la Universidad de Connecticut, Estados Unidos, …

Um quarto das garotas que usam a internet já sofreram bullying, diz estudo

É impossível proteger os filhos de todos os tipos de violência que a internet pode oferecer. Uma pesquisa inglesa feita pelo site Girlguiding UK revelou que mais de um quarto das garotas que utilizam a grande rede já sofreram algum tipo de agressão ao navegarem pela rede.Segundo o site da BCC , o estudo teve como base entrevistas com mil mulheres adolescentes entre 10 e 18 anos e constatou que 28% delas já sofreram bullying por email, mensageiro eletrônico ou pela internet, normalmente infligido por outra mulher, na maioria das vezes também jovem. Bullying é um termo inglês utilizado para descrever atos de violência física ou psicológica, intencionais e repetidos, praticados por um indivíduo ou grupo de indivíduos com o objetivo de intimidar ou agredir outro indivíduo incapaz de se defender.“Como a maior organização de proteção à mulher do Reino Unido, vemos que é nossa responsabilidade dar a essas moças a sabedoria e a auto-confiança para lidar com esses problemas que as preocupam”, …

Gerenciando a inteligência emocional em sala de aula

Segundo o psicólogo, PhD, Daniel Goleman em seu livro 'Inteligência Emocional'"as emoções são sentimentos a se expressarem em impulsos e numa vasta gama de intensidade, gerando idéias, condutas, ações e reações. Quando burilados, equilibrados e bem-conduzidos transformam-se em sentimentos elevados, sublimados, tornando-se, aí sim – virtudes."Um princípio básico para o desenvolvimento da inteligência emocional na sala de aula é o respeito mútuo pelos sentimentos dos outros, e para tanto é necessário que o professor saiba como se sente e seja capaz de comunicar abertamente suas sensações e sentimentos. O professor não deveria negar suas emoções negativas e sim, ser capaz de expressá-las de modo saudável na comunidade que constrói com seus alunos.Ensinar os alunos a reconhecer suas emoções, saber categorizá-las e comunicá-las, fazendo-se entender, ajuda-os a serem os responsáveis por suas próprias necessidades emocionais.Conhecer os alunos é um processo que se inicia de…

Programa mostra o efeito da música na mente humana

Sting no palco: análises do cérebro do músico revelaram estímulo de áreas ligadas à percepção espacialQual o real poder da música? Quais seus efeitos na mente humana? Como o cérebro determina as preferências musicais? O que as músicas de sucesso têm em comum? Para buscar as respostas, o programa entrevista neurocientistas e pesquisadores, que utilizaram o astro pop Sting como “cobaia”. Eles o submeteram a uma ressonância magnética por 45 minutos ouvindo diversos tipos de música e até mesmo compondo. “A gente queria ver com o que a criação parece dentro do cérebro, como é o cérebro com a criatividade em funcionamento. Nós estávamos certos quando escolhemos Sting. Foi muito interessante porque, conforme ele havia dito, enxerga formas arquitetônicas e pudemos notar que a área espacial do cérebro dele é ativada enquanto ele compõe”, revelou a diretora e idealizadora do programa Christina Pochmursky, em entrevista por telefone.A ideia de criar o documentário surgiu a partir do best seller …

Garoto cria falsa cia aérea e engana autoridades britânicas

Um adolescente britânico de Yorkshire convenceu executivos de aviação da Inglaterra de que ele era um magnata e que estava prestes a lançar sua própria companhia aérea. Usando o psdeudônimo de Adam Tait, o garoto de 17 anos afirmou possuir uma frota de jatos. Segundo o jornal britânico The Times, Tait, que disse ter 20 e poucos anos, chegou a viajar para a localidade de Jersey para participar de uma reunião de 14 horas com o diretor do aeroporto local. A conversa foi tão boa que outro encontro estava programado para as próximas semanas. Outros diretores da indústria de aviação chegaram a trocar e-mails e telefonemas com David Rich e Anita Dash, supostamente sócios de Tait. O objetivo era lançar uma companhia aérea baseada nas Channel Islands, no Canal da Mancha, onde fica Jersey, que atendesse grande parte da Europa.O que eles não perceberam foi que Tait, Rich e Anita eram todos a mesma pessoa. Tait chegou a publicar artigos de aviação em revistas especializadas. Foi aí, no entanto, q…

Teenager wings it with a fake airline

A TEENAGE boy from Yorkshire succeeded in persuading British aviation executives that he was a tycoon about to launch his own airline. Using the pseudonym Adam Tait, the smooth-talking 17-year-old told airport and airline executives that he had a fleet of jets. Tait, who said he was in his twenties, even flew to Jersey to attend a 1½-hour long meeting with the director of its airport. Their talks were considered promising enough for a further meeting to be arranged, which was due to be held next week. Other air industry bosses found themselves dealing by telephone or e-mail with Tait’s fellow executives, David Rich and Anita Dash, who proposed to launch a cut-price Channel Islands-based airline servicing most of Europe. What no one realised was that Tait, Rich and Dash were all the same person: an aircraft buff with the gift of the gab and an overactive imagination. His exploits are reminiscent of those of Frank Abagnale Jr, who convinced the Pan Am airline that he was a pilot while s…

Cerca del 40% de los niños hiperactivos no logran el graduado escolar

Uno de los problemas de salud mental más comunes entre los niños y los adolescentes es el trastorno por déficit de atención e hiperactividad (TDAH), una patología que afecta a más de 15.600 gallegos. De origen neurobiológico, este trastorno crónico tiene una elevada componente hereditaria, ya que en ''entre un 70 y un 80% de los casos algún progenitor presenta el trastorno'', aunque no sea consciente de ello.Así lo explicó el psicólogo e investigador de la Universidad de Salamanca, Manuel Rodríguez Becerra, que participa en Santiago en unas jornadas sobre esta dolencia que organiza la Consellería de Traballo e Benestar.El infradiagnóstico de una patología que suele confundirse con ''un problema de falta de educación'' provoca que ''entre un 30 y un 40% de los niños hiperactivos no obtiene el graduado escolar'', al plantar los estudios sin acabar la ESO.Hasta 4 años para el diagnósticoSon niños con escasa capacidad para controlar sus impu…

'Give us respect, not suspicion'

Callum was bullied at school because of his Asperger's Syndrome "There are no plans to change parents' well-established rights to educate their children at home," says the government.Yet it has clearly decided that long-standing arrangements in England surrounding home education require closer attention. A review due to be published shortly is based on concern some local authorities are neither monitoring home educating families, nor offering them sufficient support. But they are also investigating whether home education could be a cover for abuse. After cases of serious child abuse, all aspects of child protection are under the microscope. Until now there has been a relatively softly-softly approach to home education, which could be about to change. But many home educators resent the suspicion they receive, and feel they are a soft target. Sheila Jasper educates her nine-year-old son Callum, who has Asperger's Syndrome. She says the bullying he received at schoo…

Estudantes negros são as maiores vítimas de agressões nas escolas públicas, diz pesquisa

Negros, pobres e homossexuais estão entre as principais vítimas de bullying (prática discriminatória de um grupo de alunos contra um determinado colega, que se caracteriza por agressões físicas, acusações injustas e humilhações) nas escolas públicas, segundo a Pesquisa sobre Preconceito e Discriminação no Ambiente Escolar, realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), a pedido do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), divulgada nesta quarta-feira(17) em São Paulo.Segundo a pesquisa, o grau de conhecimento de práticas de bullying chega a 19% contra alunos negros, 18,2% contra pobres, 17,4% contra homossexuais. Em seguida, 10,9% estiveram nessa situação por ser mulher e 10,4% por morarem na periferia ou em favelas.O estudo também mostrou que os professores, funcionários, idosos, pessoas com algum tipo de deficiência física ou mental, idosos, índios e ciganos também foram vítimas de agressão nas escolas pesquisadas.De acordo com…

MONTEIRO LOBATO – LITERATURA E DIVULGAÇÃO CIENTÍFICA PARA CRIANÇAS

Luther Burbank Todos os projetos que abraçamos nessa vida têm sua razão de ser. Muitos deles são pensados, outros são meros frutos do acaso. O texto que utilizo para desenvolver este trabalho, intitulado A Ciência do Visconde, foi-me uma daquelas descobertas inesperadas – e felizes, por sinal. No primeiro semestre de 2005, matriculei-me na minha última disciplina de mestrado, no Instituto de Estudos da Linguagem (IEL) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), com a professora Marisa Lajolo, especialista em Monteiro Lobato. Numa de nossas aulas fomos conhecer – na verdade eu já o conhecia - o arquivo do Centro de Documentação Cultural Alexandre Eulálio (Cedae), onde estão acervos famosos, entre eles o do criador do Sítio do Picapau Amarelo.Sei que estávamos numa das salas do Cedae, no IEL, a ver manuscritos, fotos, textos do escritor Monteiro Lobato, quando me deparo com A Ciência do Visconde. Estavam lá os datiloscritos do século passado, feitos à máquina, rasurados em cinco ver…

Kriya Yoga

Luther Burbank e Paramahansa Yogananda O Kriya Yoga é um sistema de Yoga que remonta a tempos imemoriais, e foi revivido nos tempos modernos por Lahiri Mahasaya. Paramahansa Yogananda popularizou o Kriya para o público em geral através do livro Autobiografia de um Iogue. O sistema consiste em técnicas yóguicas que aceleram o desenvolvimento espiritual e ajudam a alcançar um profundo estado de tranquilidade e comunicação com Deus e com o próprio Eu Superior.http://www.yogananda-srf.org/http://www.yogananda-srf.org/srf_news/2008MCretrofit_p.htmlhttp://pt.wikipedia.org/wiki/Kriya_Yoga

Meditação pode amenizar insônia, diz estudo

Meditar pode ser uma boa ferramenta no tratamento contra a insônia, sugere uma pesquisa apresentada no 23º congresso anual da Associação Profissional de Sociedades do Sono, nos Estados Unidos. O estudo analisou 11 pacientes de 25 a 45 anos que foram divididos em dois grupos: um participou de Kriya Ioga (uma forma de meditação) e teve aulas sobre saúde. Já o outro, só recebeu informações sobre saúde e bem-estar.Os resultados mostraram que o grupo que meditou apresentou melhoras na qualidade do sono, no tempo necessário para dormir e no tempo total de sono. De acordo com um dos pesquisadores, os transtornos do sono são causados pela hiperatividade diária e pelos momentos de tensão. Deste modo, utilizar técnicas de relaxamento profundo, como a meditação, pode ajudar na qualidade do sono noturno. Fonte:http://veja.abril.com.br/noticia/ciencia-saude/meditacao-pode-amenizar-insonia-diz-estudo-476685.shtml

Escolas especiais temem inclusão social que prevê corte de verba

O documento aguarda a homologação do ministro Fernando Haddad, previsto para janeiro de 2.010Escolas especiais falam em prejuízo como preconceito e falta de estrutura para atender as diferençasSe depender da assinatura favorável ao Parecer nº 13/2009 da Câmara de Educação Básica do Ministério da Educação, os alunos das escolas especiais serão transferidos paro o ensino regular. O documento aguarda a homologação do ministro da Pasta, Fernando Haddad, previsto para janeiro de 2.010. Com a medida, a verba do governo destinada às instituições será cortada. Diante da situação, as escolas de educação especial se mobilizam por meio de abaixo-assinado na tentativa de sensibilizar as autoridades de que alunos excepcionais não ganham benefício com a determinação. Em Maringá, o vice-presidente da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), Fernando Meneguetti, disse que a mobilização de pais e voluntários da entidade já coletou 150 mil assinaturas. A Apae custa por mês R$ 320 mil; cerca…