Postagens

Mostrando postagens de Março, 2010

Déficit de atenção ainda é problema subestimado

Imagem
As vendas de metilfenidato - medicamento indicado para o tratamento de transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) – saltaram quase 80% entre 2004 e 2008, segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O aumento provocou suspeitas de uso indiscriminado da droga: levantou-se até a hipótese de que crianças receberiam erroneamente o diagnóstico positivo por conta do comportamento agitado. Além disso, adolescentes estariam obtendo o remédio tarja-preta clandestinamente para turbinar suas funções cognitivas.Consultados acerca da eventual prescrição infantil imprópria, especialistas ouvidos por VEJA.com apostaram justamente na tese contrária. "Configura-se mais um caso de subdiagnóstico do que de prescrição exagerada", afirma Luís Rohde, psiquiatra da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRS). "Esse fenômeno de vendas mal corresponde à necessidade real do país", complementa Paulo Mattos, psiquiatra da Universidade Federal do Rio de Janei…

Escola britânica muda horário das aulas e reduz faltas em 8%

Imagem
A escola de ensino secundário Monkseaton High School, em Newcastle, no norte da Inglaterra, tem 800 alunos com idade entre 13 e 19 anos. Desde outubro do ano passado, as aulas começam às 10h em vez das 9h. A escola permanece aberta entre 8h e 17h e as aulas são dadas entre 10h e 15h40.As observações iniciais indicam que as faltas gerais caíram 8% desde a adoção da medida. No mesmo período, as ausências persistentes tiveram uma queda de 27%.Segundo o diretor Paul Kelley, a mudança no horário das aulas pode ajudar a criar adolescentes “mais felizes e mais bem educados”. “Podemos ajudá-los a aprender melhor. Podemos ajudá-los a ficarem menos estressados simplesmente mudando o horário das aulas”, disse.Relógio biológico O diretor afirmou ainda que exames médicos já comprovaram que o adiamento no horário de início das aulas se enquadra melhor à saúde física e mental de jovens nessa faixa etária. Segundo ele, os adolescentes aprendem melhor no período da tarde.

O experimento de adiar o horár…

Crianças com Asperger são muitas vezes "incompreendidas e mal tratadas" na escola - associação

Imagem
As crianças e jovens com Síndrome de Asperger, uma "disfunção neurocomportamental" da família do autismo, são muitas vezes incompreendidos e mal tratados na escola porque os professores, os auxiliares e os restantes alunos não estão ainda familiarizados com a patologia.A denúncia parte da presidente da Associação Portuguesa de Síndrome de Asperger (APSA) que, em entrevista à Lusa por ocasião do Dia Internacional do Asperger, que se assinala quinta-feira, revelou: "Ainda há muitos miúdos que são incompreendidos"."Algumas [crianças] são alvo de 'bullying' [ameaça ou agressão de forma intencional e repetida] sem sombra de dúvida, não só na violência física, mas na psicológica que é muito pior porque os professores, muitos deles, não estão familiarizados com a problemática ou mesmo que estejam, não são os olhos dos meninos todos no intervalo", adiantou Maria Piedade Monteiro.Fonte: LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.

What's the Story About Gastrointestinal Problems in Kids With Autism?

Imagem
What's the story about gastrointestinal problems in children with autism? I'm wondering about the recent news showing little evidence that special diets do any good. Families of children with autism face many challenges day in and day out. One of the toughest problems is trying to figure out how to make their children comfortable when they have the inevitable ups and downs of childhood. Recent studies show that children with autism are at no higher risk of having gastrointestinal problems than are children without autism. But that means they also have no fewer GI upsets. And when they are having stomach aches or are refusing to eat, it can be really tough for them and their parents. I asked William Barbaresi, director of the Developmental Medicine Center at Children's Hospital in Boston and associate professor of pediatrics at Harvard Medical School, to comment on the question of how parents can best comfort their children with autism when they have GI disturbances. Here i…

Colégio de Barcelona condenado por «bullying»

Imagem
Escola terá que pagar 13 200 euros à família de um menor por não ter actuado a tempoDois colégios em Barcelona, Espanha, estão a ser postos em causa por não terem actuado a tempo em dois casos de «bullying». A notícia é avançada pelo site «20minutos.es». Um desses colégios já foi mesmo condenado em tribunal a indemnizar o aluno que foi vítima de «bullying». O colégio terá que pagar 13 200 euros à família por danos morais sofridos pelo menor. A sentença condena o colégio por não ter feito nada para evitar o assédio e a intimidação. Este é o segundo caso denunciado publicamente em poucos dias, em Espanha. O «20minutos.es» refere o caso de uma criança que identifica como Paula. A menina era insultada e ameaçada por um grupo de colegas de turma, o que levou o resto dos alunos a deixar de lhe falar, por medo de represálias. Os pais denunciaram o caso e a intimidação terminou. Mas só até ao ano seguinte, altura em que tiveram que mudar a criança de escola. Agora o Provedor da Criança reconh…

Australiana vítima de bullying é indenizada em R$ 474 mil

Imagem
Uma adolescente da Austrália ganhou uma indenização de 290 mil dólares australianos (cerca de R$ 474 mil) depois de passar anos sendo perseguida por colegas na escola. Segundo o jornal Herald Sun, a quantia vai ser paga pelo Departamento de Educação do Estado de Victoria. Os episódios deixaram a menina física e emocionalmente abalada.Depois de um dos acidentes, o diretor da escola em que a garota estudava chamou os pais e pediu que a levassem, pois disse que não podia garantir sua segurança. Entre 2006 e 2007, os colegas bateram na adolescente, grudaram chicletes no seu cabelo, jogaram cadeiras nela e esvaziaram seu armário, jogando as coisas no chão.A gota d'água foi quando um dos agressores ameaçou dar um tiro nela. Isso fez com que a família se mudasse da cidade de Kerang. Na Justiça, os danos causados à adolescente, hoje com 17 anos, foram detalhados como distúrbios psicológicos, síndrome do pânico, insônia, dificuldade de alimentação, psoríase e pensamentos suicidas.O advogad…

Kids prescribed toxic drug cocktail of anti-depressants

Imagem
CHILDREN as young as one are being prescribed powerful anti-psychotic drugs that have been linked to deaths overseas. The strong medication is designed to quell psychotic episodes normally experienced by adults with schizophrenia and bi-polar.There are concerns some doctors are illegitimately writing scripts for pre-schoolers and primary school children for unapproved medical reasons, such as behavioural problems or ADHD.Figures provided by the Therapeutic Goods Administration showed up to 3351 NSW children aged under 18 were prescribed the drugs in 2007-08.Of them, at least 62 toddlers aged five and under -- including five one-year-olds -- were prescribed the drugs in NSW in that period."You can assume children under 12 are illegitimately being prescribed these drugs for behaviour problems. It should not be the case," University of South Australia's associate professor in psychiatry Dr Jon Jureidini said yesterday."These drugs are not marketed or recommended by the…

Amor confuso

Imagem
A mãe de uma menina de 11 anos está muito preocupada com o namoro da filha, que já dura meses. É que a garota contou a ela que o relacionamento com o namorado, de 15 anos, está "esquentando". Essa mãe não sabe mais o que fazer porque já conversou com o casal, aconselhou, falou de todos os riscos de uma gravidez fora de hora. Mesmo assim, parece que eles não se dão conta da gravidade da situação, já que responderam a ela que "o que tiver de acontecer acontecerá".Em outra ponta, a mãe de um jovem de 21 anos encontra-se em uma situação parecida. O filho é financeiramente autônomo e decidiu casar-se com sua namorada, que é a primeira garota com quem se relacionou.Essa mãe é contra a decisão do rapaz porque acha que ele deveria ter outras experiências amorosas e sexuais antes de se comprometer. Por causa desse conflito, mãe e filho estão com a relação bem desgastada.Essas situações nos mostram que muitos pais estão confusos na relação que estabelecem com os filhos. Por …

Pacientes se oponen a cambios de diagnóstico de Asperger

Imagem
Muchas personas que sufren de Asperger se han quejado de una propuesta para diagnosticar de forma conjunta su síndrome junto con otras formas de autismo, en lugar de ser diagnosticado de forma separada. Los que sufren el síndrome de Asperger —llamados “Aspies“ en inglés— son considerados socialmente torpes, pero académicamente brillantes y hasta orgullosos de su condición. Muchos consideran la propuesta como un ataque a su identidad. A partir de ahora, el síndrome de Asperger sería diagnosticado de forma conjunta bajo la categoría de “espectro de trastornos de autismo“. Algunos padres han señalado que agradecen el cambio, ya que creen que podría eliminar la confusión respecto a las distintas variaciones en autismo y quizás lograr mejores servicios educativos para niños afectados. El autismo y el síndrome de Asperger están considerados como trastornos de neurodesarrollo. El autismo es un trastorno con muchos niveles, de ligero a serio.Los síntomas del síndrome de Asperger pueden variar…

Tendências suicidas dos menores travam-se com mais tempo e atenção

Imagem
Tornar as escolas mais atrativas e dar aos pais a possibilidade de estarem mais tempo com os filhos pode ajudar a prevenir as tendências suicidas das crianças e adolescentes, que estão "cada vez mais entregues a si próprios". O presidente da Associação Portuguesa de Psiquiatria da Infância e da Adolescência, Augusto Carreira, considerou "fundamental agir ao nível da prevenção" para evitar as depressões e as tendências suicidas das crianças e adolescentes. Jovem de 14 anos voltou a ser vítima de tentativa de agressão à porta da escolaTaxa de suícidios e consumo de ansioliticos aumentam em PortugalNotícias Vida "Temos de incidir sobretudo em métodos preventivos. Prevenir é transformar a escola em espaço de prazer, dar a possibilidade às famílias de estarem mais tempo com os filhos para que as crianças não passem tantas horas sozinhas e a jogar jogos violentos", sustentou o pedopsiquiatra. Segundo Augusto Carreira, em primeiro lugar é preciso prevenir e depo…

Seu filho ainda não fala? Saiba se é o caso de se preocupar

Imagem
Não há nada simples na fala, nem no atraso da fala – a começar pelo desafio de seu diagnóstico.Todo pediatra conhece a frustração de tentar qualificar habilidades da fala e da linguagem de uma criancinha que chora. Quantas palavras ele consegue dizer? Ela consegue colocar duas ou mais palavras juntas numa frase? Outras pessoas, que não você, conseguem entendê-lo quando ele fala? Perguntas como essas, feitas aos pais, são os parâmetros rápidos e crus que muitas vezes usamos.Crua ou não, a avaliação é crucial: quanto mais cedo ela é feita, mais cedo a criança com atraso na fala pode receber ajuda. Quanto mais cedo a ajuda, melhores as perspectivas.“O médico que entende o atraso na fala entende o desenvolvimento infantil”, afirmou Dr. James Coplan, pediatra de desenvolvimento neural em Rosemont, Pensilvânia, que criou um método para medir a linguagem da criança, do nascimento até os 3 anos.“As crianças no primeiro ano entendem grande parte do que ouvem ao seu redor”, disse Diane R. Paul,…

Anomalías en la estructura cerebral, vinculadas con síntomas de hiperactividad

Imagem
Investigadores de la Universitat Autònoma de Barcelona (UAB) y del Hospital Universitario Vall d'Hebron han detectado anomalías en la estructura cerebral del sistema de recompensa, relacionado con los circuitos neurales de motivación y de gratificación, que afecta a los niños con trastorno por déficit de atención con hiperactividad (TDAH).Según explicaron, "en los niños con TDAH, el grado de motivación para realizar una acción está relacionado con la inmediatez con que consiguen sus objetivos". Esto explicaría porqué presentan niveles de atención e hiperactividad desiguales, según las tareas realizadas.El estudio, el primero que relaciona una estructura cerebral del sistema de recompensa, el estriado ventral, con los síntomas clínicos en niños que sufren TDAH, fue realizado por la investigadora de la Unidad de Neurociencia Cognitiva del Departamento de Psiquiatría y de Medicina Legal de la UAB, Susanna Carmona, en colaboración con investigadores clínicos del Hospital Uni…

School proves Asperger’s syndrome doesn’t have to be a life sentence

Imagem
Knowing when to laugh, knowing when someone looks angry or sad and interpreting everyday non-verbal social cues is something that comes naturally to most people.But to people with Asperger’s syndrome, a form of autism, that all-important non-verbal communication is a huge challenge and one that can cripple their ability to work, pursue higher education, live independently and have friends.“Often these young adults can be very bright, but lack street smarts,” said Fred R. Volkmar, director of Yale Child Study Center and one of the world’s leading experts on Asperger’s syndrome and other autism spectrum disorders. Volkmar said some with Asperger’s will do math equations in their head “just for fun,” but “can’t walk into McDonald’s and order a cheeseburger.”Ariana Habib, 22, knows the feeling well.Habib, diagnosed with Asperger’s, graduated from a special education high school program and began attending Southern Connecticut State University to pursue a degree in public health. While she…

Doctors are 'failing to spot Asperger's in girls'

Imagem
It is a condition on the autistic spectrum that has long been known to affect boys, who may have obsessive interests or struggle to make friends. Now an expert says many more girls have it than was thought, and failure to diagnose them can lead to misery and self-harm. Amelia Hill reportsDoctors are failing to diagnose thousands of girls who have Asperger's syndrome, according to one of the world's leading experts. Dr Judith Gould has accused the medical world of missing and overlooking girls with the condition, condemning them to lives of such misery that many resort to extreme self-harm and anorexia.Gould and her colleague, Lorna Wing, carried out ground-breaking research into the link between Asperger's syndrome, autism and other pervasive developmental disorders in 1979. Exploiting that insight, they pioneered the concept of the autism spectrum. Now Gould, a chartered consultant clinical psychologist with more than 35 years' experience in autism spectrum disorders,…

Adolescentes são programados para ter um comportamento de risco, mostra estudo

Imagem
LONDRES - Adolescentes não se arriscam porque são malcriados ou não respeitam autoridade. Eles são geneticamente programados para preferir comportamentos de risco, como fazer sexo sem proteção, arranjar brigas ou dirigir em alta velocidade. É o que afirma a pesquisadora Sarah-Jayne Blakemore, do Instituto de Neurociência Cognitiva da University College London. - A chegada da adolescência é marcada por uma explosão de comportamentos arriscados, que vão desde a preguiça para fazer exercícios ou se alimentar bem até os famosos 'porres' e o sexo sem proteção - diz Sarah-Jane. Para ela, estes comportamentos contribuem para o chamado 'paradoxo da saúde', que acontece quando o ser humano está no pico de sua capacidade física e mental, mas tem um risco maior de morte e acidentes. No estudo, foram avaliadas 86 pessoas do sexo masculino, com idades entre 9 e 35 anos. Durante a pesquisa, eles tiveram que jogar uma série de games enquanto seus cérebros eram analisados. O resultado…

Excesso de recomendações atrapalha a brincadeira das crianças

Imagem
Com medo de doenças, os pais exageram na proteção e a molecada perde a paciência Na hora de deixar a molecada solta para brincar, tem muito adulto que treme de medo. O excesso de cuidados, muitas vezes, acaba deixando a criança entediada e o resultado disso aparece logo: mau humor, preguiça e, algumas vezes, até dificuldades de relacionamento."As crianças precisam se sentir livres, andar descalças e experimentar um pouco de risco, isso ajuda inclusive a desenvolver o senso de responsabilidade delas", afirma a psicóloga Rosana Tenório, dona de uma empresa especializada em recreação infantil. Claro que, quando fala em risco, a especialista não está recomendado a exposição a situações realmente perigosas. "Falo daquele risco calculado pelos pais, mas que vai obrigar as crianças a fazerem escolhas e lidar com o impacto delas. Se as crianças ouvem proibições o tempo inteiro, toda diversão ganha cara de afronta e a diversão perde o seu caráter essencial para se tornar uma oca…

Adolescente aprende japonês sozinho

Imagem
O adolescente Jordan Barbosa Fernandes, 15 anos, sempre morou no Eldorado, em Diadema, e sempre estudou na Escola Estadual Miguel Reali, no mesmo bairro. Todos os dias, ele, que é apaixonado por Matemática e detesta futebol, anda 20 minutos pelas ruas do bairro para chegar ao colégio. Neste ano, ele vai cursar o 1° ano do Ensino Médio, no período noturno. É o único estudante superdotado da rede estadual da cidade.Jordan é o responsável pelos cuidados de Letícia, 13, e Ligia, 8, e do esperto Jonathan, 5, enquanto a mãe - que é manicure e atualmente trabalha como recepcionista - sai para o serviço. O pai faz bico e não mora com eles.A família reside em uma casa alugada de dois quartos e cozinha; no quintal há outras três residências. O estudante arruma e limpa os cômodos diariamente, depois leva e busca os irmãos menores na escola e dá reforço escolar para eles, quando necessário.Jordan ainda encontra tempo para desenhar mangás e assistir a desenhos japoneses para aprender a falar e esc…