Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2011

PARA ONDE VAMOS

Depoimento da Professora Amanda Gurgel - a Educação no Brasil

Remédios para Déficit de Atenção podem ser desnecessários

Doutor em Ciências Médicas pela USP, o neurologista Ricardo Santana chama o TDAH de “doença da moda Pesquisa realizada por especialistas da Universidade de São Paulo e Universidade de Campinas mostrou que pelo menos 75% das crianças e dos adolescentes brasileiros tomam remédios para esse déficit sem um diagnóstico adequado Se seu filho ou filha, especialmente menor de seis anos de idade, toma algum tipo de remédio para Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH), fique em alerta. Uma pesquisa feita por especialistas da Universidade de São Paulo (USP) e Universidade de Campinas (Unicamp), mostrou que, aproximadamente, 75% das crianças e dos adolescentes brasileiros tomam remédios para esse déficit sem um diagnóstico adequado. A notícia não surpreendeu os neurocirurgiões Ricardo Santana, 55, e Dante Luiz Gacia Rivera, 49. Doutor em Ciências Médicas pela USP, Ricardo Santana chama o TDAH de “doença da moda”. Segundo ele, isso acontece porque as pessoas têm a tendência de quere…

Como identificar problemas de leitura precocemente

Pesquisadores estão fazendo progressos em direção ao diagnóstico precoce e o tratamento de dificuldades de aprendizagem. Tocar piano, para quem começou agora a aprender o instrumento, é uma tarefa intimidante: aprender o movimento certo dos dedos, a forma correta de usar pedal, ler as notas e continuar no ritmo. Para uma criança com problemas de leitura, compreender uma simples palavra pode ser tão desafiador quanto isso.  “As pessoas não entendem que ler é uma habilidade complexa”, diz G. Reid Lyon, líder em pesquisas de políticas educacionais na Universidade Southern Methodist e de pesquisas sobre cognição e neurociência na Universidade do Texas, nos EUA. As dificuldades de aprendizado podem se manifestar de várias formas, desde uma incapacidade em se compreender números ou textos. Mas as dificuldades de leitura são, de longe, as mais comuns. “Representam cerca de 80% a 90% das dificuldades de aprendizagem”, diz Lyon. Na última década, os pesquisadores desenvolveram técnicas capazes de …

Emissora de TV causa polêmica ao exibir programa que satirizava autistas